O óleo de coco tem sido um item básico de alimentação e beleza há milhares de anos. Ele é um poderoso destruidor de todos os tipos de micróbios, desde vírus e bactérias a protozoários, muitos deles nocivos, e oferece ao seu corpo uma gordura de alta qualidade que é essencial para a saúde ideal.

Cerca de 50% da gordura do óleo de coco é ácido láurico, encontrado raramente na natureza. Na realidade, o óleo de coco é a substância que contém a maior quantidade de ácido láurico na Terra. Seu corpo transforma o ácido láurico em monolaurina, um monoglicerídeo que mostrou ser bastante eficaz no combate ao estafilococo e estreptococo com resistência a antibióticos.

Ele também apresenta efeitos antifúngicos e antivírus contra determinados tipos de vírus, como HIV e herpes, gripe, sarampo, bactérias Gram-negativas e protozoários, como a giárdia. O óleo de coco é composto por ácidos graxos de cadeia média (AGCMs) que são facilmente digeridos e atravessam rapidamente as membranas celulares.

Os AGCMs são transformados imediatamente pelo fígado em energia, em vez de serem armazenados como gordura. Esse é um dos motivos por que recomendo o óleo de coco como substituto ideal de carboidratos não vegetais. O óleo de coco é leve no sistema digestivo e não produz um pico de insulina na corrente sanguínea.

Portanto, para obter um rápido impulso energético, basta comer uma colher cheia de óleo de coco ou adicioná-la à comida. Para colocar mais óleo de coco na sua alimentação, é possível adicioná-lo ao chá ou café, no lugar do adoçante. Ele também ajuda a melhorar a absorção de vitaminas solúveis em gordura, portanto, a ingestão de uma colher cheia de óleo de coco, juntamente com as vitaminas diárias, pode ajudar a aumentar sua eficácia.

Benefícios Do Óleo de Coco à Saúde em Geral

  • Promove a saúde do coração
  • Contribui para o funcionamento correto da tireoide
  • Promove o funcionamento saudável do cérebro
  • Reforça o sistema imunológico
  • Oferece um excelente “combustível” para o corpo e contribui para um metabolismo forte, capaz de ajudar na perda de peso
  • Mantém a pele saudável e com aparência jovem

Receitas fáceis de fazer para tratamento da pele com o óleo de coco.

  • Removedor de maquiagem: passe um algodão embebido. Retire com um algodão limpo ou toalha úmida.
  • Produto de limpeza para pele: esfregue uma pequena quantidade de óleo de coco no rosto e pescoço. Remova com uma toalha úmida e seque levemente.
  • Esfoliante corporal: misture partes iguais de óleo de coco com açúcar de cana orgânico em uma jarra de vidro. Use o esfoliante na pele seca antes do banho.
  • Esfoliante facial: em vez do açúcar, misture o óleo de coco com bicarbonato de sódio, ou flocos de aveia com uma pitada de canela para fazer um esfoliante facial suave.
  • Loção de barbear: aplique uma camada fina de óleo de coco na área a ser barbeada e faça a barba como de costume. O ácido láurico do óleo de coco também atua como antisséptico nos cortes causados ao barbear.
  • Hidratante para o rosto e corpo: você pode usá-lo sozinho ou adicionar seu óleo essencial favorito. (Certifique-se de usar um óleo essencial de alta qualidade que seja seguro para aplicação tópica.)
  • Creme para a região dos olhos: aplique uma fina camada do óleo de coco ao redor dos olhos para suavizar rugas e combater a pele fina e flácida.
  • Creme para cutículas: basta esfregar uma pequena quantidade de óleo de coco ao redor das cutículas para amolecer as áreas secas.
  • Desodorante: a aplicação de uma pequena quantidade de óleo de coco diretamente nas axilas pode ajudar a controlar o cheiro, graças às propriedades antibacterianas do óleo. Se preferir, você pode adicionar uma pequena quantidade de bicarbonato de sódio ou fazer um desodorante usando o óleo de coco, bicarbonato de sódio e araruta em pó.
  • Banho hidratante: colocar óleo de coco na banheira pode ajudar a hidratar a pele seca e com coceira (certifique-se de esfregar bem a banheira no final para evitar escorregões!). Certifique-se de que a temperatura da água seja pelo menos 24 graus Celsius, caso contrário, o óleo se solidificará.
  • Sabonete: o óleo de coco é um dos ingredientes básicos de várias receitas caseiras de sabonete.
  • Hidratante labial: você pode aplicar uma pequena quantidade de óleo de coco ou fazer seu próprio hidratante labial usando o óleo de coco como um dos ingredientes básicos.
  • Creme dental: misturado com bicarbonato de sódio, o óleo de coco pode substituir o creme dental normal. O bicarbonato de sódio limpa suavemente enquanto a ação antibacteriana do óleo de coco ajuda a controlar as bactérias nocivas.
  • Repelente contra insetos: misturar o óleo de coco com óleos essenciais de alta qualidade pode ajudar a afastar as picadas de insetos quando aplicado na pele exposta. Entre as opções estão: óleo de menta, erva-cidreira, alecrim, óleo de melaleuca, nim, citronela (citronela de Java), geraniol, óleo de nepenta (segundo um estudo, este óleo é 10 vezes mais eficaz que o DEET), e/ou óleo de baunilha

O Melhor Amigo do Cabelo

O óleo de coco também é conhecido por seus benefícios ao cabelo. A maioria das mulheres parece preferir usá-lo como um condicionador pré-shampoo. Massageie o óleo de coco no cabelo seco e deixe agir por cerca de uma hora ou mais. Você também pode deixá-lo agindo durante a noite. Use apenas uma touca de banho para proteger o travesseiro. Depois, lave e seque como de costume.

Quando aplicado dessa maneira, o óleo de coco inibe a penetração da água nas mechas do cabelo, evitando que a cutícula, ou superfície do eixo do cabelo, fique elevada, deixando-a suscetível a danos e quebras. Além disso, se aplicado como um tratamento pré-lavagem, uma pequena quantidade de óleo de coco consegue penetrar ainda mais profundamente no eixo do cabelo durante a lavagem, quando a fibra capilar incha levemente.

Benefícios à Saúde Oral

Conforme mencionado acima, o óleo de coco misturado com bicarbonato de sódio produz um creme dental muito simples, barato e eficaz. É também uma excelente alternativa se você quer um creme dental sem flúor, mas não quer gastar mais por isso, já que eles tendem a custar mais caro do que a maioria das marcas de creme dental comum, com flúor.

Outra técnica de saúde oral em que acredito que o óleo de coco seja muito benéfico é a desintoxicação com óleo. Essa técnica reduziu significativamente meu acúmulo de placas, permitindo um intervalo maior entre as minhas consultas com o dentista. (A adição de hortaliças fermentadas à minha alimentação foi outro agente de mudança na minha saúde oral.)

A desintoxicação com óleo (oil pulling) é uma prática que remonta a milhares de anos, com origem na medicina ayurvédica. Quando combinada com o poder antimicrobiano do óleo de coco, eu acredito que é uma ferramenta muito poderosa à saúde. Geralmente, recomenda-se o óleo de gergelim, mas ele tem uma concentração relativamente alta de óleos ômega 6.

Sendo assim, acredito que o óleo de coco é muito superior e, para mim, tem um gosto melhor. Mas de uma perspectiva mecânica e biofísica, é provável que ambos funcionem. A desintoxicação com óleo envolve enxaguar a boca com o óleo, parecido com o uso de um enxaguante bucal. O óleo “trabalha” na sua boca empurrando, removendo e movendo-se entre os dentes por 15 minutos.

Se você for obsessivo como eu e quiser resultados ainda melhores, experimente fazer isso de 30 a 45 minutos. Esse processo permite que o óleo remova as bactérias, vírus, fungos e outros resíduos. A melhor hora para isso é de manhã, antes de tomar o café, mas pode-se fazer a qualquer momento. Eu tento fazer duas vezes por dia se tenho tempo.

Quando fizer, cuspa o óleo e enxágue a boca com água. Evite engolir o óleo, pois ele estará cheio de bactérias e possíveis toxinas e resíduos removidos. Quando feita corretamente, a desintoxicação tem um poderoso efeito de limpeza, desintoxicação e cura, não só na boca e cavidades nasais, mas para o resto do corpo também.

Candida e Streptococcus são habitantes comuns da boca e esses germes e seu lixo tóxico podem contribuir para o acúmulo de placas e cáries. Além de infecções secundárias e inflamação crônica em todo o corpo. A desintoxicação com óleo pode ajudar a diminuir a carga tóxica em geral sobre o sistema imunológico, evitando que esses organismos se espalhem da boca para o restante do corpo através da corrente sanguínea.

Óleo de Coco ao Resgate

  • Infecções no ouvido: coloque algumas gotas em cada canal do ouvido. Se o óleo de coco tiver solidificado, é possível liquefazê-lo facilmente despejando uma pequena quantidade em um copinho ou outro recipiente pequeno e colocando-o em uma xícara com água quente.
  • Erupções e irritações na pele, inclusive catapora e herpes-zóster: aplique uma pequena quantidade na área afetada
  • Infecções fúngicas e/ou por leveduras, como pé-de-atleta e micose. Para as infecções fúngicas, misture em uma pequena quantidade de óleo de orégano ou óleo de melaleuca
  • Picadas de inseto e de abelha
  • Herpes labial: misture em uma pequena quantidade de óleo de orégano e aplique nos primeiros sinais
  • Sangramento nasal frequente: pode ser melhorado com a aplicação regular de uma pequena quantidade no interior das narinas
  • Candidíase
  • Hemorroidas: adicione uma pequena quantidade de óleo essencial de lavanda para maior poder de cura
  • Secura vaginal
  • Massagem perineal: as grávidas no final da gestação podem usá-lo para massagear o períneo diariamente, começando cerca de um mês antes da data prevista do parto, para ajudar a reduzir as chances de laceração e/ou a necessidade de episiotomia

 Óleo de Coco — Mais Eficaz Do Que a Permetrina Para Piolhos

Segundo uma pesquisa publicada no European Journal of Pediatrics, descobriu-se que a combinação de óleo de coco e anis foi quase duas vezes mais eficaz que a loção de permetrina geralmente prescrita para o tratamento de piolhos. Segundo os autores:

“Designamos um grupo de teste aleatório, controlado e paralelo com 100 participantes com infestação ativa de piolhos para investigar a atividade de um spray de coco e anis e para ver se a loção de permetrina ainda é eficaz, usando duas aplicações do produto com intervalo de 9 dias.

O spray teve muito mais êxito no número de curas (41/50, 82.0%) do que a permetrina (21/50, 42.0%…). O índice de sucesso por protocolo foi 83.3% e 44.7%, respectivamente. Trinta e três pessoas relataram reações de irritação após o contato com álcool na pele escoriada.

Concluímos que embora a loção de permetrina ainda seja eficaz em algumas pessoas, o spray de coco e anis pode ser uma alternativa de tratamento muito mais eficaz”.

Não é maravilhoso ver como a natureza oferece tantas soluções eficazes para muitas de nossas doenças?

E faz isso de uma maneira em que é muitas vezes mais eficaz que nossas preparações com drogas químicas! Outro tratamento havaiano curioso para piolhos é mergulhar o cabelo no vinagre e deixá-lo secar (não enxágue). Depois, passe óleo de coco no cabelo e deixe agir durante a noite. Recomendo dormir com uma touca de banho para proteger a roupa de cama. No dia seguinte, é só passar o pente e as lêndeas sairão facilmente.

 

fonte:http://media.mercola.com/assets/html/mercola/citation.htm

 

Para mais informações,entre em contato.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s