mostarda_o04

Comer grandes quantidades de vegetais pode ajudar a reduzir o risco de muitas doenças crônicas, como a diabetes, doença cardíaca, derrame e alguns tipos de câncer. Por exemplo, um estudo em 2010 descobriu que comer apenas uma porção adicional de vegetais de folhas verdes reduz  em 14% o risco de diabetes tipo 2
Vegetais frescos são uma pedra angular da nutrição, uma vez que a maioria tem níveis muito baixos de calorias e carboidratos líquidos, apesar de terem grandes quantidades de fibra, vitaminas e minerais benéficos. Além disso, os vegetais contêm uma ampla variedade de antioxidantes e outros compostos que combatem as doenças.
Os fitoquímicos de origem vegetais têm uma poderosa capacidade anti-inflamatória e até mesmo alguns ajudam a eliminar substâncias cancerígenas. Outras substancias químicas de origem vegetal regulam a velocidade a qual as células se reproduzem, eliminam as células danificadas e preservam o DNA.
Os vegetais de folhas verdes também ativam um gene chamado T-bet, graças ao seu alto teor de fibra, que é essencial para a produção de células imunológicas vitais no revestimento do seu aparelho digestivo.
Estas células imunológicas, chamadas de células linfóides innatas (ILCs), ajudam a manter o equilíbrio entre a imunidade e inflamação no corpo e produzir interleucina-22 (IL-22), um hormônio que ajuda a proteger as células do seu corpo de bactérias patogénicas.
Inclusive as ILCs ajudam a aliviar as lesões cancerosas e impedir o desenvolvimento de câncer do intestino e outras doenças inflamatórias.

COMA MAIS VEGETAIS PARA TER UMA SAÚDE MELHOR.

Estudos têm mostrado repetidamente que as pessoas que consomem uma maior quantidade de verduras têm:
  • Menor risco de hipertensão e derrame cerebral
  • Menor risco de certos tipos de câncer
  • Menor risco de cálculos renais e perda óssea
  • Maiores pontuações em testes cognitivos
  • Maiores níveis de antioxidantes
  • Menores níveis de biomarcadores para o stress oxidativo
  • Menor risco de enfermidade de Alzheimer
  • Menores risco de enfermidades oculares
  • Menores problemas digestivos
Sabe-se que alguns vegetais são mais benéficos do que outros. Por exemplo, a couve, um vegetal que ganhou status VIP, em grande parte graças à sua relação de 3: 1 de carboidratos à proteína. Esta é uma quantidade exepcionalmente elevada de proteína em qualquer planta, razão pela qual a couve é concebido como “proteínas vegetais”.
Como a carne, o couve contém os nove aminoácidos essenciais necessários para formar proteínas no corpo humano, além de outros nove não-essenciais, perfazendo um total de 18.
Mas, ao contrário da carne, não tem estes aminoácidos em concentrações elevadas. Isso torna muito mais difícil de obter um excesso de proteínas, que sabemos que pode ativar e acelerar o envelhecimento e doenças degenerativas crônicas. Também contém uma quantidade mais elevada de ácidos graxos ômega-3, em comparação com a gordura ômega-6 , o que é quase desconhecido na natureza.
Mais recentemente, as folhas de mostarda (existem diferentes variedades populares) ganharam um lugar de destaque. A mostarda é um parente do repolho, brócolis e rabanetes.
Assim como a couve repolho e couve crespa, a mostarda no vapor tem a poderosa capacidade de reduzir os níveis de colesterol, graças à sua capacidade de se ligar aos ácidos biliares. Os ácidos biliares são compostos de colesterol, de modo que esta atividade de ligação ajuda a reduzir o nível de colesterol através do aumento da eliminação.

A fama das folhas de mostarda:Proteção Anticâncer.

Além disso,as folhas de mostarda são ricas em glucosinolatos, uma substância química de origem vegetal que seu corpo converte em  isotiocianatos (ITCs), que têm propriedades anti-câncer. Na verdade, os estudos sugerem que a proteção anti-câncer é um grande benefício fornecido pelas folhas de mostarda.
Além da sua atividade anti-inflamatória e anti-oxidante, as folhas da mostarda também ajudam a proteger contra o câncer, apoiando os sistemas corporais de desintoxicação. Alguns dos nutrientes da mostarda ajudam a estimular a fase 1 de desintoxicação, enquanto que os compostos que contém enxofre,ajuda a fase 2 de desintoxicação.

INFORMAÇÃO NUTRICIONAL

Além disso, as folhas de mostarda cozinhadas no vapor,tem um perfil nutricional extraordinário, proporcionando  impressionantes  922% da ingestão diária recomendada (RDI) de vitamina K, 96% de vitamina A, e 47% de vitamina C por copo (140 gramas). A mostarda também contém um sem número de compostos antioxidantes valiosos, tais como:
Ácido hidroxicinâmico, que tem demostrado  inibir as células em um adenocarcinoma do pulmão humano e lutar eficazmente contra o Mycobacterium tuberculosis resistente a múltiplas drogas. Do mesmo modo,  tem ação antipalúdica e muito mais.
Quercetina,um importante agente para combater os radicais livres.
•   isorhamnetin, tem demostrado que induz a apoptose em certas células    cancerígenas.
•  Também tem muitos benefícios nas enfermidades inflamatórias    cutâneas.
•  Kaempferol, tem efeitos hipoglicêmicos, anti-oxidantes, anti-inflamatórios,    anti-microbianos,  cardioprotetores e neuroprotetores.
O ideal, seria adicionar 1,5 xícara de mostarda na sua alimentação, pelo menos duas ou três vezes por semana. Um objetivo melhor seria adicionar 2 xícaras, quatro a cinco vezes por semana, mas também podem ser combinadas para incluir outros vegetais crucíferos.
Cada parte da planta de mostarda pode ser utilizada, incluindo raízes, sementes e folhas. Em particular, as sementes têm uma longa história de utilização em medicina chinesa.
Alguns dos muitos usos históricos da semente de mostarda são para tratar várias doenças gastrointestinais, bem como abcessos, bronquite, asma, resfriados, reumatismo, dores de dente, inflamação da bexiga, úlceras; frequentemente na forma de um emplastro ou cataplasma de mostarda, aplicado topicamente.
Historicamente,a mostarda também é utilizada em banhos para aliviar a inflamação, uma vez que ajuda a aumentar o fluxo sanguíneo.
As sementes de mostarda – que são geralmente usados para fazer o tempero que é reconhecido como “mostarda” – são uma boa fonte de fósforo, ferro, cálcio, zinco, magnésio e manganês.
A inflamação causada por endotoxinas bacterianas podem ser um fator gerador  de epidemia da obesidade. O açúcar e alimentos processados podem rapidamente tornar a comunidade de “amigos” micróbios intestinais, tornarem-se  prejudiciais,e se transformarem  em organismos francamente hostis.
Quando ocorre uma disbiose, as bactérias liberam resíduos nocivos chamados endotoxinas. As endotoxinas aumentam a permeabilidade da parede intestinal (síndrome do intestino permeável) e fazem  o seu caminho para a corrente sanguínea, provocando a inflamação em todo o sistema.
Para neutralizar ou prevenir este efeito dominó, você deve evitar o consumo de alimentos açucarados e repovoar o intestino com bactérias saudáveis em uma base regular, e uma das melhores maneiras de conseguir isso é  comer vegetais fermentados.
Além de ajudar a quebrar e remover metais pesados e outras toxinas do corpo, as bactérias intestinais benéficas também realizam uma série de diferentes recursos importantes, incluindo:
  • Absorvem os minerais, e produzem nutrientes, como vitaminas B e K2 (K2 e vitamina D são necessárias para integrar o cálcio nos ossos e mantê-lo longe das artérias, reduzindo o risco de doença arterial coronariana e acidente vascular cerebral)
  • Previnem a obesidade e diabetes, e regulam a absorção das gorduras dietéticas.
  • Reduzem o risco de câncer
  • Melhoram seu estado de animo e saúde mental

 

Mais informações mande seu e-mail.

FONTE.

http://media.mercola.com/assets/html/mercola/citation.htm

Anúncios

Um comentário em “A Mostarda e as sementes oferecem Potentes benefícios para saúde

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s