FIQUE LIVRE DO CÂNCER

 

neem-seed-azadirachta-indica-seed

Azadirachta Indica  a árvore da vida.

O câncer de próstata é um dos tipos mais comuns em homens.

De acordo com as últimas estatísticas,algo em redor de 181.000 homens,são diagnosticados com câncer de próstata a cada ano nos Estados Unidos.

Embora tenha uma taxa de sobrevivência aproximada de 86%,daqueles que são diagnosticados,aproximadamente 26.000 morrem por essa enfermidade a cada ano.

Infelizmente,os diagnósticos convencionais e as opções de tratamento para o câncer de próstata deixam muito a desejar.

O diagnóstico convencional incluem a análise de antígeno prostático específico(PSA) e a biópsia,que são propensos a proporcionar falsos positivos e tem o risco de efeitos secundários.

Os tratamentos usados atualmente são medicamentos,cirurgia e radiação,os quais são perigosos.Porem há maneiras mas seguras e menos evasivas para diagnosticar e tratar o câncer de próstata.

Está comprovado que existem inúmeras  estratégias seguras e totalmente naturais,eficazes contra o câncer de próstata,incluindo a Cetose Nutricional, fazer exercícios e suplementos.

Recentemente pesquisadores descobriram um composto bioativo na planta “Azadirachta Indica” conhecida em várias partes do mundo pelo nome de “Neem”,que tem uma grande capacidade de acabar com o câncer da próstata.

O NEEM TEM UMA LONGA HISTÓRIA DE USO MEDICINAL.

O Neem  é muito utilizado na medicina ayurvédica há  milhares de anos,e os antigos VEDAS se referem ao Neem como uma árvore “capaz de curar todas as enfermidades”.Tem benefícios comprovados para a pele,e se utiliza muito em produtos para cuidados pessoais.

Também se utiliza para limpar o sangue,melhorar as funções hepáticas,aliviar os problemas gastrointestinais e fortalecer a função imunológica.

As folhas de “Neem”,cascas,frutos,sementes e raízes contém compostos comprovados antiinflamatórios,antipiréticos,antihistamínicos,anti-fungos,anti-bacterianos,anti-úlceras,analgésico,anti-arrítmicos,contra a tuberculose,contra a malária,diuréticos,espermicidas,anti-artríticos,anti-protozoarios,repelentes de insetos,propiedades  anti-tumorais e usos anti-cancerosos.

Contem  níveis extraordinariamente altos de antioxidantes e carotenoides que proporcionam elevados níveis de compostos antioxidantes que ajudam a defender o organismo contra os radicais livres.

O NEEM PODE SER UM PODEROSO ALIADO CONTRA O CÂNCER DE PRÓSTATA.

Pesquisas realizadas com animais,indica que o Nimbolide(um composto bioativo  terpenoide  que se encontra no Neem) pode reduzir os tumores da próstata em até 70%,e suprimir a metástase em 50%,quando tomado oralmente durante 3 meses.

Não foram observados efeitos adversos importantes.

Embora seja excepcionalmente promissora nos roedores, o nimbolide ainda não foi testado em humanos, então é necessária mais investigação. A equipe pretende investigar ainda o composto e avaliar a sua eficácia em combinação com medicamentos contra o cancro da próstata, os quais também são vulgarmente utilizados.

Apesar de toda a erva fornecer  apenas uma pequena quantidade de nimbolide (em comparação com o composto administrado nos animais neste estudo); De fato, pesquisas anteriores descobriram que o extrato de Neem é útil contra câncer de próstata. Em 2006, pesquisadores relataram que:

“O  extrato etanólico de Neem,  mostrou-se eficaz em causar a morte celular de células de cancro da próstata, ao induzir a apoptose, tal como evidenciado por um nível mais elevado de fragmentação de ADN,dependendo da dosagem, e um menor nível de  viabilidade celular ,por isso, é possível que o extrato de Neem seja potencialmente eficaz contra o câncer de próstata … “

O ESTILO DE VIDA E CÂNCER DE PRÓSTATA.

 Para tratar e prevenir o câncer de próstata (e outros tipos) se requer algo mais que tomar um suplemento.Sua alimentação é uma parte vital da equação de cura,e fazer exercício é outro importante optimizador metabólco.

As pesquisas indicam que a perda de peso pode reduzir até 20% o risco de câncer da próstata,de mama e colon,e sabe-se que este efeito é devido a ter menores níveis destas proteínas e outros compostos inflamatórios armazenados nas células graxas.

Outro estudo em grupos publicado em 2013  no Cancer   Epidemiology     Biomarkers & Prevention,descobriu que os homens que tinham sobrepeso ou obesidade aumentaram seu risco de câncer de próstata em 57%.Aqui foram observadas uma associação entre o câncer de próstata e a obesidade,em todos os casos – câncer de próstata de baixo e alto grau,estágio inicial e final,agressivo e não agressivo.

Em relação a fazer exercícios,a pesquisa sugere que manter um alto nível de aptidão cardiorrespiratória na meia idade,ajuda aos homens a diminuir em quase um terço (32%) as probalidades de morrer de câncer de próstata.

Uma menor quantidade de câncer por fazer exercício,provavelmente está mais relacionada em melhorar a sensibilidade do receptor de insulina e PGC-1alfa,que aumenta a biogénesis mitocondrial.

Outro ingrediente chave para prevenir o câncer,é otimizar seus níveis de vitamina D,tomar banhos de sol em horários ideais,respeitando as normas de segurança.

A deficiência de vitamina D,está relacionada com vários tipos de câncer comuns,incluindo o câncer de mama,colon e próstata.

Os pesquisadores da Escola de Medicina da Universidade Northwestern Feinberg,descobriram recentemente que os homens diagnosticados com câncer de próstata agressivo,são propensos a terem níveis de vitamina D inferiores a 23 nanogramas por mililitro(ng/ml).Segundo este estudo,é possível que a vitamina D na realidade seja utilizada como um biomarcador para prevê-lo.

“Devido a vitamina D ser usada como um biomarcador para a saúde óssea e agressividade de outras doenças,todos os homens devem repor seus níveis de vitamina D,para que estejam normais,isto é um inteligente cuidado preventivo para a saúde.”

Alem da vitamina D,a vitamina K2 parece desempenhar um notável papel no câncer de próstata.Os médicos Alemães que avaliaram o efeito das vitaminas K1 e K2 em desenvolvimento e tratamento do câncer de próstata,descobriram que aqueles que consumiam a maior quantidade de K2 tinha uma incidência 63% menor de câncer de próstata avançado.

Porem o consumo de vitamina K1 não oferece nem um beneficio para a próstata.

Outros nutrientes e alimentos que tem demostrado influenciar no risco de câncer de próstata,incluem(entre outros)os seguintes:

  • Os alimentos ricos em ômega 3 – tem demostrado prevenir o avanço do câncer de próstata.

Um estudo clínico publicado em 2006, descobriram que enquanto as gorduras

Omega-6(o tipo que se encontra na maioria dos óleos vegetais)aumentaram a diseminação das células tumorais prostáticas na medula óssea,a propagação das células cancerígenas foi bloqueada pelas gorduras de ômega-3,o que sugere que, ter uma alimentação rica em gorduras Omega-3,poderia possivelmente inibir a enfermidade nos homens que padecem de próstata em etapa inicial.

Uma recente pesquisa disponível,publicada em 2010,descobriu que consumir pescado estava associado com uma mortalidade 63% menor de câncer de próstata específica,a pesar de que não se pode encontrar uma relação entre o consumo de pescado e a incidência significativamente menor do câncer de próstata.

Isto está relacionado com o fato de que os mariscos livres de toxinas,são a fonte ideal de DHA,não de gorduras ômega-3,de origem vegetal convertidas deficientemente em DHA.

  • O sulforafano que se encontra nos vegetais crucíferos como o brócolis,tem demostrado causar a apoptose(morte celular programada)em células de câncer da próstata.Consumir três porções de brócolis por semana pode reduzir em más de 60% o risco de câncer da próstata.

 

Os suplementos que ajudam a saúde prostática.

 

Além do estrato de Neem,outros suplementos nutricionais que promovem a saúde prostática,que poderiam ser úteis na prevenção e o tratamento do câncer de próstata,são:

  • Palma enana americana(saw palmetto).Esta erva se utiliza amplamente para melhorar a saúde da próstata,e pode ajudar a aumentar o níveis de testosterona ao inibir a conversão ascendente da dihidrotestosterona(DHT) até 40%.

Segundo explicou o Dr.Rudi Moerck,enquanto muitos especialistas convencionais  consideram  que  ter  níveis  elevados  de  testosterona pode desenvolver  o câncer de próstata,este risco parece estar mas fortemente correlacionado com DTH,produto de decomposição da testosterona.

Os níveis de testosterona em homens sãos,normalmente diminuem com o envelhecimento,que é um dos fatores implicados no câncer de próstata,já que sua glândula prostática requer testosterona para se manter saudável.

O Dr. Abraham Morgentaler,de Havard,é um médico que tenta reeducar as pessoas com este tema.Ele tem demonstrado meticulosamente que restaurar os níveis de testosterona em homens de idade avançada,não aumenta o risco de câncer de próstata.

Pelo contrario,aqueles que tem baixo níveis de testosterona,são os que tem um maior risco.

Embora as evidencias sejam limitadas,um pequeno número de estudos de laboratório sugerem que a palma enana americana pode ser útil contra o câncer de próstata,ao focalizar-se nas mitocôndrias,ativar o processo apoptópico e reduzir a inflamação.

Ao adquirir o suplemento de palma enana americana,certifique-se de obter um extrato de CO2 orgânico de azeite de palma enana americana,que seja de cor verde escuro.

Uma vez que este é um suplemento solúvel em gordura, você deve tomá-lo com uma pequena quantidade de gorduras saudáveis, como óleo de coco, óleo de triglicerídeos de cadeia média (MCT sigla), abacate ou ovos, que irá melhorar a absorção de seus nutrientes.

  • A astaxantina em combinação com Saw Palmetto. A pesquisa sugere que tomar astaxantina em combinação com Saw Palmetto pode fornecer benefícios sinérgicos significativos.

Um estudo realizado em 2009 constatou que o consumo de uma dose ótima de Saw Palmetto e astaxantina diminuiu tanto o estrogênio como o DHT, para, simultaneamente, aumentar os níveis de testosterona.

  • Ashwagandha. Esta antiga erva indiana é conhecida como um adaptógeno, o que pode ajudar a aumentar a resistência, resistência e energia sexual. Pesquisa publicada em 2010, descobriram que os homens que tomam a erva ashwagandha apresentaram níveis significativamente mais elevados de testosterona.

Eu recomendo usar apenas a raiz de ashwagandha 100% orgânico, livre de venenos, aditivos e excipientes, para garantir a qualidade.

As Toxinas podem aumentar o risco de cancro da próstata.

É também muito importante  evitar as toxinas. Tal como acontece com o câncer da mama, muitos dos produtos químicos que estão em nossas casas e meio ambiente têm sido demonstrado aumentar  o risco de câncer. Alguns dos culpados mais comuns são aqueles que interrompem  a função endócrina.

Com base na análise de mais de 1.300 estudos, a força-tarefa Endocrine Society publicou recentemente uma nova declaração científica, em produtos químicos de desregulação endócrina, onde ficou claro  que todos têm de tomar medidas preventivas para evitá-los.

Da mesma forma, uma  reportagem co-produzido pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Programa Ambiental da Organização das Nações Unidas (UNEP)publicado em fevereiro de 2014, sugere que pode ser necessário fazer uma proibição total de desreguladores endócrinos para proteger a saúde das gerações futuras.

Até o momento, este é considerado o relatório mais abrangente sobre os produtos químicos de desregulação endócrina, o que indica uma grande variedade de problemas de saúde associados com a exposição, incluindo câncer de próstata. Alguns dos disruptores endócrinos mais onipresentes a considerar incluem:

  • Atrazina. Este herbicida é o segundo produto químico agrícola mais utilizado, e um dos mais comuns poluentes da água dos Estados Unidos. A atrazina é um disruptor endócrino potente, e estudos mostram que ele pode quimicamente castrar e feminizar a vida silvestre, e poderia induzir o câncer de próstata, como de mama.
  • Os ftalatos.
  • Bisfenol-A e bisfenol-S (BPA e BPS). ABP, que imita o hormonio estrogénio está associada a um aumento do tamanho da próstata, a produção de espermatozóides reduzida, hipospadias (deformação do pénis), disfunção eréctil e estimulação de células de câncer da próstata.

Você deve ter cuidado, porque a exposição pode ser muito maior do que se teria suspeitado. Um estudo  realizado em 2011 descobriu que simplesmente comer sopa enlatada durante cinco dias aumentou mais de1.000% as concentrações  de BPA na urina dos participantes do estudo, em comparação com comer sopa recém feita.

Deve-se Realizar testes do câncer da próstata?

De acordo com um relatório do Instituto de Medicina, aproximadamente 30% de todos os procedimentos médicos, testes e medicamentos  pode ser desnecessário. Além disso, a campanha “eleita sabiamente” da Academia Americana de Médicos de Família (AAFP) identificou mais de uma dúzia de procedimentos que parecem ter pouco valor, e em muitos casos fazem mais mal do que bem.

Nesta lista de testes de rotina para câncer de próstata através de antígeno específico da próstata (PSA) estão incluídos.

O teste de PSA tende a resultar em excesso de diagnóstico de tumores da próstata, muitos dos quais são benignos, e na verdade, não necessitam de tratamento.

Os Estados Unidos gastam US$ 10 bilhões anualmente para tratar o câncer de próstata, mas estudos indicam que 30 milhões de homens que são examinados anualmente para detectar o câncer de próstata, realmente são postos em risco devido aos números ridiculamente elevado  de resultados falsos positivo.

De acordo com a Fundação do câncer da próstata, na verdade, entre 30 e 40% dos homens tratados por câncer de próstata tem  tumores inofensivos que nunca teria lhes causado problema. Como assinalou Jessica Herzstein, uma consultora de  medicina preventiva  e membro do Grupo de trabalho de medicina  preventiva dos Estados Unidos “, ele vai morrer com eles, e não deles.”

As estimativas sugerem que 15 próstatas devem ser removidas, a fim de evitar só uma morte por câncer  da próstata, e estes procedimentos cirúrgicos ainda provocam efeitos secundários graves, tais como a impotência e incontinência.

Mais da metade dos homens mais velhos têm evidência patológica de câncer de próstata, de modo que os testes de PSA não são necessárias. O PSA é um indicador da inflamação, e a inflamação pode ser um indicador de problemas de saúde além de prostatites, hiperplasia prostática benigna ou de câncer.

É claro que este não é um teste definitivo, e não deve ser a única base para decidir realizar uma biópsia, porque uma biópsia em si pode causar danos significativos.

Uma alternativa é a realização de um exame de toque retal anual. O seu médico pode sentir a próstata para determinar se ela é rígida, ou se há nódulos notáveis. Então, ao invés de realizar imediatamente uma biópsia ,primeiro você deve considerar fazer uma ultra-sonografia com Doppler colorido 3D.

Para prevenir o Câncer,lembre-se do básico.

Lembre-se, seu estilo de vida pode prever mais ou menos o risco de câncer, então você deve sempre começar com o básico: Certifique-se de consumir uma dieta rica em nutrientes, que não seja tóxico, o que significa, basicamente, eliminar os  alimentos   processados, consumir alimentos integrais, frescos, de preferência que sejam  cultivados organicamente, para evitar pesticidas tóxicos que podem aumentar o risco de câncer.

Evite produtos de origem animal, operações concentrados de alimentação de animais (CAFO), uma vez que estes animais são criados rotineiramente com hormônios, antibióticos e grãos transgênicos (GE) contaminados com glifosato . Em geral, os alimentos processados são anátema para uma boa saúde, e especialmente quando você tenta prevenir ou curar o câncer.

Se a análise toxicológica revela grandes quantidades de toxinas em seu corpo, seria conveniente seguir um programa de desintoxicação.

Além disso, pode ser necessário realizar um teste de saliva para verificar os seus níveis hormonais. Podem ter níveis baixos de testosterona e / ou excesso de estrogênio, são fatores que precisam ser corrigidos. Para lidar com baixos níveis de testosterona, você pode começar com suplementos de ervas, exercício de alta intensidade e / ou jejum intermitente, em vez de começar diretamente uma terapia de reposição de testosterona

Além disso, lembre-se de verificar os seus níveis de vitamina D. Para uma ótima saúde e prevenir o câncer, não se esqueça de manter um nível clinicamente significativo de 40 a 60 ng / ml ao longo do ano. Se você tem câncer, você pode precisar de considerar aumentar ainda mais os seus níveis.

Verifique se a sua resistência à insulina anda de mãos dadas com a intervenção alimentar. Se você tiver resistência à insulina, é necessário tomar cuidado especial para diminuir a quantidade de açúcar, o melhor é limitar o seu consumo total de frutose de todas as fontes para menos de 15 gramas por dia. Felizmente,a cetose nutricional é uma das melhores maneiras de melhorar a sua sensibilidade aos receptores de insulina.

Outra ferramenta poderosa para manter a cetose nutricional, é jejum intermitente. A Cetose nutricional não é algo que mantém durante toda a sua vida, mas é parte de um ciclo de escassez e abundância que permite que seu corpo  repare-se e regenere-se, mantendo a sua capacidade de queimar gordura.

Depois de ter melhorado sua dieta, adicionar certos suplementos de ervas, como Saw Palmetto (com ou sem astaxantina) e suplementos de Ashwagandha que pode ajudar a manter a saúde da próstata.

Estas são apenas algumas sugestões que podem minimizar o risco de câncer de próstata, e para ajudar a lidar com ele devem ser diagnosticados. Existem muitos outros; por exemplo, aumento dos níveis de selénio e magnésio, enquanto que a diminuição dos níveis de cálcio pode reduzir o risco de câncer da próstata, e estratégias simples, como realizando uma massagem da próstata pode ser um adjuvante útil para o tratamento do câncer da próstata.

A mensagem principal que você deve ter em mente, é que você tem opções em relação à prevenção, diagnóstico e tratamento. Lembre-se também que, enquanto qualquer diagnóstico de câncer é angustiante quando se trata de câncer de próstata, você provavelmente tenha  tempo para olhar para opções alternativas de tratamento. Raramente é necessário recorrer a medicação, cirurgia ou radioterapia diretamente. Portanto, tente não deixar que o medo controle seu processo de decisão.

 

 

Fontes de  referencias.

1 Cancer.org, Statistics for Prostate Cancer 2016

2 Survivingprostatecancer.org

3 Stylecraze.com, Neem Oil

4 Biojournal of Science and Technology (BJST) September 18, 2016

5 Antioxidants & Redox Signaling April 2016; 24(11): 575-589

6 Science Daily September 29, 2016

7 Futurity.org October 10, 2016

8 Life Science Daily October 4, 2016

9 National University of Singapore September 2016

10 Journal of Ethnopharmacology April 2006; 105(1-2): 246-250

 

Para receber mais informações deixe seu e-mail.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s