Afecções da mucosa vaginal

casca de barbatimão
1 BARBATIMÃO (Stryphnodendron adstringens)

Tem alta concentração de taninos com ação anti-inflamatória.
Indicado em uso externo para hemorragias uterinas, corrimentos vaginais, além de feridas ulcerosas e para pela excessivamente oleosas.
Recomendações de usos:
Uso externo:

Adultos
Decocção (casca): 3g (1 colher de sopa) em 1L de água. Aplicar no local afetado de 2-3x/dia;
Tintura (1:5): 1 colher de café (2 ml) para 1L de água ; Fazer banho de assento de 1-3x/dia;
Parte(s) usada(s): casca do caule.

TOXICIDADE E INTERAÇÕES: A administração prolongada por mais de 30 dias em ratos (1600mg/kg) causou a elevada de AST (enzima encontrada no citoplasma de mitocôndrias e muitas células). Houve o aumento da
aminotransferase plasmática, o que pode ocasionar lesões celulares.
Houve diminuição do peso corpóreo e do timo. A involução do timo e elevação da glicemia pode ter sido ocasionada pela liberação de corticóides endógenos. Não é recomendável o uso por períodos superiores a 30 dias.
Deverá haver cautela de uso na gravidez. Deve haver cautela ao associar com anticoagulantes, corticóides e antiinflamatórios.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s